Desde Dezembro 2011 até Setembro 2015 o MEC perdeu 36.388 Postos de Trabalho – equivalente a 15,4% dos postos de trabalho

Publicado em Atualizado em

“A 30 de setembro de 2015, o emprego no sector das administrações públicas situava-se em 649 294 postos de trabalho…


Face ao número de trabalhadores a 31 de dezembro de 2011, o emprego nas administrações públicas, no final do 3.º trimestre de 2015, reduziu globalmente em 78 mil postos de trabalho

Com um peso na população total de 6,3% (rácio de administração), o emprego no sector das administrações públicas representa, a 30 de setembro de 2015, cerca de 12,5% da população ativa e de 14,2% da população empregada.”

in http://www.dgap.gov.pt/index.cfm?OBJID=F82200C9-44AE-446E-A9FB-70C117898028&ID=104


4 opiniões sobre “Desde Dezembro 2011 até Setembro 2015 o MEC perdeu 36.388 Postos de Trabalho – equivalente a 15,4% dos postos de trabalho

    Anónimo disse:
    19 de Novembro de 2015 às 9:10

    Se saíram 36388 funcionários do MEC e tudo continua a funcionar normalmente, podemos chegar à conclusão que seriam excedentários, ou estou errado?

    Na minha ótica, ainda há margem para mais reduções, assim haja vontade política e necessidade orçamental, nomeadamente, no lado dos docentes a revogação do artº 79, no lado dos não docentes redução dos rácios, há muito assistente operacional e técnico que não faz um ku, era selecioná-los através de uma avaliação séria e imparcial, uma verdadeira utopia, eu sei… se houvesse uma avaliação séria e imparcial do desempenho docente, provavelmente 10% já não daria aulas…

    Pelas minhas contas o orçamento de estado ainda tem um deficit de 8 mil milhões de euros… ou seja, o estado gasta mais 8 mil milhões do que as suas receitas, de onde vem esse €€€€€?

    red bull disse:
    19 de Novembro de 2015 às 14:37

    Acabar com o gabinete de segurança escolar era boa medida ou passa los a guarda nocturnos, ja que não temos nem alarmes,nem cameras nem caes

    Pest disse:
    23 de Novembro de 2015 às 17:18

    O único problema do teu raciocínio é que as coisas (claramente) estão longe de “funcionar normalmente”. Faltam milhares de funcionários às escolas, sobretudo os não docentes;as turmas estão todas a caminhar para a lotação máxima; os resultados escolares estão novamente em queda, depois de anos de recuperação, etc.,etc..

    Blogue Assistente Tecnico disse:
    24 de Novembro de 2015 às 0:27

    Anónimo , Margem para mais reduções ? Claro que sim! Coloquem 1500 Euros de tecto de aposentação aos milhares do link abaixo

    http://assistente-tecnico.blogspot.pt/2013/12/ano-2002-pela-cga-37580-aposentados.html

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s